notícias & releases

Cesta básica anual: alta de 7,95%, revela Procon-SP

O valor médio passou para R$ 1.088,00, em dezembro de 2021; os grupos alimentação, higiene e limpeza apresentaram aumento

Publicado em 18 de janeiro de 2022

Pesquisa do núcleo de pesquisas do Procon-SP, feita em convênio com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), constatou que o valor da cesta básica paulistana apresentou alta de 7,95% – o valor médio passou de R$ 1.007,89, em dezembro de 2020, para R$ 1.088,00, em dezembro de 2021.

Os três grupos apresentaram aumento, sendo as variações acumuladas de 7,31% para alimentação, de 8,70% para higiene e de 18,56% para limpeza.

O grupo alimentação, que pesa proporcionalmente mais na cesta básica, em dezembro de 2020 custava R$ 883,28 e em dezembro de 2021, R$ 947,86. Os gastos médios com os itens de higiene eram de R$ 77,04 em dezembro de 2020 e subiram para R$ 83,74, em dezembro de 2021. O valor médio do grupo de limpeza em dezembro de 2020 era de R$ 47,57 e em dezembro de 2021, R$ 56,40.

Dentre os 28 alimentos pesquisados, 23 tiveram aumento nos valores médios. Os preços de todos os itens de higiene (cinco no total) e dos produtos de limpeza (seis no total) também subiram.

As maiores variações verificadas foram: café em pó (500g) 65,86%; açúcar refinado (5 kg) 60,05%; biscoito maisena (pacote 200g) 37,14%; margarina (250g) 36,60% e sabão em barra (unidade) 33,33%

Veja a análise completa aqui.

Procon-SP
Assessoria de Comunicação

Atenção Consumidor

Novos Atendimentos:
– Para cadastrar novas Consultas ou Reclamações, clique aqui.

Acompanhar Atendimentos:
– Para acompanhar Atendimentos dos Fornecedores Comgás, Samsung, Via Varejo e Vivo cadastrados a partir de 03.05.2021, clique aqui
– Para acompanhar Atendimentos cadastrados até 03.07.2021, clique aqui.
– Para acompanhar Atendimentos cadastrados a partir de 04.07.2021, clique aqui