notícias & releases

Notificação restaurantes

Empresas deverão esclarecer sobre sua política na cobrança de taxa de serviço/gorjeta

Publicado em 24 de maio de 2019
A Fundação Procon-SP, vinculada à Secretaria da Justiça e Cidadania, enviou nesta quinta-feira (23/5) notificação aos restaurantes ALMANARA, VIENA, FOGO DE CHÃO, GALETOS, RASCAL, PARIS 6, D.O.M, VENTO HARAGANO, O COMPADRE, ANGÉLICA GRILL, POBRE JUAN, CAMELO, MARGHERITA, AOYAMA e JOAKINS para que informem sobre o funcionamento de sua política de cobrança de taxa de serviço/gorjeta. 
 
A fundação quer esclarecimentos também sobre: qual o percentual cobrado; em que momento o consumidor toma ciência da cobrança desta taxa; se há informação prévia de que este pagamento é opcional; se é dada ao consumidor a opção de não pagar ou pagar valor a menor e como é feita a cobrança, dentre outros.
 
A diretoria de atendimento da fundação já tinha uma atenção especial a este tema que, acabou indo ao encontro com um dos resultados de pesquisa sobre gorjeta realizada pela equipe de pesquisas, em que 87% dos participantes afirmaram não serem informados previamente sobre a cobrança. De acordo com a legislação, o consumidor deve ser informado, prévia e adequadamente, sobre o percentual sugerido que incidirá sobre o valor total da conta
 
A notificação feita pelo Procon-SP visa resguardar os direitos dos consumidores e garantir que não sejam prejudicados. As empresas terão 24 horas para apresentar resposta.
 
  
Fundação Procon-SP
Assessoria de Comunicação

Atenção consumidor

A sua reclamação é sobre alguma dessas empresas?

COMGÁS
SAMSUNG
VIA VAREJO (Casas Bahia, Extra.com.br, Ponto Frio)
VIVO