Seu navegador não suporta scripts. Por favor, acesse este site utilizando outro navegador de sua preferência.

Portal do Governo do Estado de São Paulo

Fundação PROCON SP

Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor

Enviar por email Imprimir notícia


Procon - SP debate recall

12/3/2008

Falta de informação adequada nos comunicados de recall foi tema central do evento

A Fundação Procon-SP órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania promoveu nesta quarta-feira, dia 12 de março, mesa de debates sobre recall. O evento, que faz parte das comemorações do Dia Internacional do Consumidor, abordou temas como a informação ao consumidor sobre os riscos à saúde e segurança, a relação entre a realização de recall e a imagem das empresas, entre outros.
 
A falta de informação adequada nos comunicados de recall foi ponto de consenso entre os debatedores, propostas como mudar o termo “recall” para um outro que seja mais familiar à sociedade brasileira e a criação de um centro de monitoramento de acidentes de consumo, também foram discutidas.
 
"A prioridade deve ser a segurança do consumidor. Uma empresa não pode, neste momento, se preocupar apenas com sua imagem no momento do recall", defende o diretor-executivo do Procon-SP, Roberto Pfeiffer. O procedimento está previsto no Código de Defesa do Consumidor (artigo 10): “O fornecedor de produtos e serviços que, posteriormente à sua introdução no mercado de consumo, tiver conhecimento da periculosidade que apresentem, deverá comunicar o fato imediatamente às autoridades e aos consumidores, mediante anúncios publicitários”, determina a lei.
 
 A mesa de debates contou com as  presenças da diretora de programas especiais do Procon – SP, Andrea Sanchez; do diretor do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, Ricardo Morishita, da Procuradora do Ministério Público Federal, Cristina Marelin Vianna, da  coordenadora executiva do Instituto de Defesa do Consumidor,  Marilena Lazzarini,  do presidente da Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança e do Adolescente, Synésio Batista da Costa, e do coordenador de Programa de Normatização da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), Álvaro de Almeida.
 
12/03/2008
Assessoria de Imprensa
Procon – SP



 
Para orientações e denúncias ligue para 151. O horário de funcionamento é de segunda à sexta das 8h às 17h.
Fundação Procon - SP - Todos os direitos reservados