Seu navegador não suporta scripts. Por favor, acesse este site utilizando outro navegador de sua preferência.

Portal do Governo do Estado de São Paulo

Fundação PROCON SP

Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor

Enviar por email Imprimir notícia


Tarifas bancárias

2/7/2014

Diferenças entre os serviços prioritários pode chegar a 563,33%, revela pesquisa do Procon-SP

Pesquisa de valores de tarifas bancárias realizada pela Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania, revela que a diferença de valor entre os serviços prioritários pode chegar a 563,33%. Para o serviço “pagamento de contas” (pagamento de contas utilizando a função crédito do cartão), o menor valor praticado foi de R$ 3,00 pelo Banco do Brasil e o maior, de R$ 19,90 pelo Santander.
 
Com o objetivo de verificar a evolução das tarifas bancárias e de comparar os valores praticados entre os bancos, a pesquisa analisou e comparou os valores de serviços prioritários e de pacotes padronizados de sete instituições financeiras: Banco do Brasil, Bradesco, CEF, HSBC, Itaú, Safra e Santander. Os valores foram coletados nos próprios sites dos bancos. Veja aqui a pesquisa completa.
 
Pacotes Padronizados
 
Na comparação entre os bancos feita pelo Procon-SP, a maior diferença de valores foi encontrada no Pacote Padronizado III. O menor valor cobrado por ele é de R$15,80 na Caixa Econômica Federal e no HSBC, enquanto que no Santander o mesmo pacote custa R$20,50, 29,75% mais caro.
 
Em relação ao ano de 2013, os pacotes padronizados I, II, III e IV conservaram os mesmos preços, com exceção do pacote padronizado I no Banco do Brasil e HSBC, que tiveram um reajuste respectivamente de -1,01% e -29,63%, praticamente igualando seus valores aos praticados pelos outros bancos.
 
02/07/2014
Assessoria de Imprensa
Fundação Procon-SP


 
Para orientações e denúncias ligue para 151. O horário de funcionamento é de segunda à sexta das 8h às 17h.
Fundação Procon - SP - Todos os direitos reservados