Seu navegador não suporta scripts. Por favor, acesse este site utilizando outro navegador de sua preferência.

Portal do Governo do Estado de São Paulo

Fundação PROCON SP

Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor

Enviar por email Imprimir notícia


Pesquisa de juros bancários

11/1/2013

 

Pesquisa realizada pela Fundação Procon-SP em 3 de janeiro detectou que as taxas médias dos juros de cheque especial e empréstimo pessoal mantiveram-se no mesmo patamar em relação ao mês anterior.

O levantamento de taxas de juros de janeiro detectou, mais uma vez, a postura de cautela adota pelos bancos em relação a juros já que, pelo terceiro mês consecutivo, as modalidades pesquisadas não apresentaram qualquer alteração.

Comparando-se com as taxas médias do mesmo período do ano passado, houve uma queda de 0,53 ponto percentual na modalidade empréstimo pessoal e de 1,62 pontos percentuais na de cheque especial.

Segundo a diretoria de Estudos e Pesquisas do Procon-SP, Valéria Rodrigues Garcia, a maioria dos consumidores continua sentindo os efeitos dos gastos do final de ano e das despesas típicas do começo do ano (impostos, taxas, matrículas, despesas com material escolar, etc.). Ao mesmo tempo, não sente ainda os efeitos práticos da queda da taxa básica da economia, uma vez que os juros continuam altos para o tomador de crédito.
 
O consumidor deve tomar alguns cuidados ao contratar um empréstimo: analisar a real necessidade de crédito, antes de comprometer seu orçamento; utilizar o cheque especial somente em situações emergenciais e de curto prazo; pesquisar linhas de crédito mais baratas; evitar empréstimos de longo prazo que embutem custos maiores e, finalmente, não assinar nenhum contrato sem antes estar ciente de todos os custos envolvidos na contratação, completa.

Veja aqui análise completa e os dados da pesquisa de janeiro de 2013.

O consumidor que tiver dúvidas ou quiser fazer uma reclamação, pode procurar o Procon de sua cidade ou um dos canais de atendimento da Fundação:

Orientações: 151 (Só para a capital).

Pessoalmente: de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. Sábados, das 7h às 13h, nos postos dos Poupatempo, sujeito a agendamento e distribuição de senha. Telefone: 0800-772-3633.

- Praça do Carmo, S/N, Centro.

Santo Amaro - Rua Amador Bueno, 176/258 - São Paulo - SP (próximo ao Largo Treze de Maio).

Itaquera - Av. do Contorno, S/N, Itaquera (ao lado do metrô).

Nos postos dos Centros de Integração da Cidadania (CIC) Norte, Leste, Oeste, São Luiz e Feitiço da Vila, de segunda a quinta-feira, das 9h às 15h. No CIC Imigrantes o atendimento é às segundas-feiras, das 9h às 15h. No CIC Imigrantes o atendimento é às segundas-feiras, das 9h às 15h.

Fax: (11) 3824-0717.

Cartas: Caixa Postal 1151, CEP 01031-970, São Paulo-SP.

Atendimento eletrônico : No caso problemas com compras feitas pela internet, a reclamação pode ser registrada diretamente no site do Procon-SP pelo endereço : http://www.procon.sp.gov.br/atendimento_texto.asp . O endereço eletrônico também está aberto para orientação sobre qualquer outro problema de consumo .

Na Grande São Paulo e interior, o consumidor pode procurar o órgão municipal.

Informações sobre o trabalho do Procon-SP no site: www.procon.sp.gov.br

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/proconsp
Dicas e orientações sobre defesa do consumidor no blog http://educaproconsp.blogspot.com.br

14/1/2013

Fundação Procon-SP
Assessoria de Comunicação



 
Para orientações e denúncias ligue para 151. O horário de funcionamento é de segunda à sexta das 8h às 17h.
Fundação Procon - SP - Todos os direitos reservados