Seu navegador não suporta scripts. Por favor, acesse este site utilizando outro navegador de sua preferência.

Portal do Governo do Estado de São Paulo

Fundação PROCON SP

Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor

Enviar por email Imprimir notícia


Cesta Básica Semanal

10/11/2006

No período entre 03 e 09 de novembro Procon-SP constatou alta de 0,32%

O valor da cesta básica no município de São Paulo apresentou alta de 0,32%, no período de 03/11/06 a 09/11/06, revela pesquisa diária da Fundação Procon - SP, em convênio com o Dieese. O preço médio, que no dia 01/11/06 era R$ 211,34 passou para R$ 212,02 em 09/11/06.        
        
Por grupo, foram constatadas as seguintes variações:
 
Alimentação
    0.34%
Limpeza
  - 1,11%
Higiene Pessoal
1,88%
      
A variação no mês de novembro/2006 ficou em 0,47% (base 31/10/06) e nos últimos 12 meses, -0,70% (base 09/11/05). No período de 03/11/06 a 09/11/06, os produtos que mais subiram foram:        
 
Absorvente Aderente (pac. 10 unid.)
8,96%
Cebola  (Kg)   7,58%
7,58%
Alho (Kg)
 4,48%
Papel Higiênico Fino Br. (pac. 4 unid.) 
 4,11%
Biscoito Maizena (pac. 200 g) 
    3,30%
       
As maiores quedas foram:        
        
Far. de Mandioca Torrada (pac. 500 g) 
    -3,03%
Frango Resfriado Inteiro (Kg)
    -2,87%
Água Sanitária Candida (l)  
    -2,55%
Carne de Primeira (Kg)  
    -1,82%
Feijão Carioquinha (pac. 1 Kg)
    -1,82%
       
Dos 31 produtos pesquisados, na variação semanal, 17 apresentaram alta, 11 diminuíram de preço e 03 permaneceram estáveis. Os produtos que mais pressionaram a alta no período, considerando os respectivos pesos na cesta, foram, nesta ordem:
 
1
Carne de Segunda s/ Osso (Kg)  
 0,26% 
2
Açúcar Refinado (pac. 5 Kg)  
0,10%
3
Óleo de Soja (900 ml)
0,09%
4
Arroz - tipo 2 (pac. 5 Kg) 
0,09%
5
  Papel Higiênico Fino Br. (pac. 4 unid.) 
 0,09%
 
10/11/2006
Assessoria de Imprensa/Procon-SP
Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania


 
Para orientações e denúncias ligue para 151. O horário de funcionamento é de segunda à sexta das 8h às 17h.
Fundação Procon - SP - Todos os direitos reservados