Seu navegador não suporta scripts. Por favor, acesse este site utilizando outro navegador de sua preferência.

Portal do Governo do Estado de São Paulo

Fundação PROCON SP

Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor

Enviar por email Imprimir notícia


Procon autua empresas aéreas

4/6/2012

Avianca, Azul e Webjet não disponibilizaram tabela com índice de cancelamentos e atrasos de voos.

Avianca, Azul e Webjet não disponibilizaram tabela com
índice de cancelamentos e atrasos de voos

As  empresas Avianca, Azul e Webjet foram autuadas pela Fundação Procon-SP,  órgão vinculado pela Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania,  por não disponibilizarem ao consumidor, nos balcões de vendas do aeroporto de Congonhas, tabela com histórico de atrasos e cancelamentos dos voos, segundo determina a Resolução 218, da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), em vigor a partir desta segunda-feira (4/6). A irregularidade foi detectada por fiscais do Procon-SP, durante fiscalização na tarde de hoje.
 
Veja aqui mais fotos da fiscalização.
 
De acordo com a norma, as companhias aéreas devem informar em seus canais de compra o índice de atrasos e cancelamentos de voos registrados no mês anterior. No caso de venda por telefone ou pessoalmente, as informações devem ser prestadas mediante solicitação do consumidor. O Procon-SP também monitorou os sites das empresas e localizou a tabela, porém em ícones pouco acessados pelo usuário na hora de compra, como "serviços" ou "detalhes".
 
Segundo o diretor de Fiscalização do Procon-SP, Renan Ferraciolli, é preciso evolução nos dados inseridos nos sites e mudança de conduta ao atender pessoalmente o consumidor. "O primeiro dia após a entrada em vigor dessa importante medida em favor do consumidor demonstrou que as empresas procuraram adequar seus sites, mas não empregaram os mesmos esforços no atendimento presencial em um dos aeroportos de maior movimento do país, o que resultou na falta de informação ao consumidor", afirma.
 
As empresas serão chamadas, pelo Procon-SP, para apresentarem propostas de melhoria nas informações prestadas em seus sites.
 
Veja aqui a lista de empresas fiscalizadas pelo Procon-SP
 
O consumidor que tiver dúvidas ou quiser fazer uma reclamação, pode procurar o Procon de sua cidade ou um dos canais de atendimento da Fundação:
 
Orientações: 151 (Só para a capital).
 
Pessoalmente: de segunda à sexta-feira, das 7h às 19h. Sábados, das 7h às 13h, nos postos dos Poupatempo, sujeito a agendamento no local.
 
Sé - Praça do Carmo, S/N, Centro. Telefone: 0800-772-3633.
 
Santo Amaro - Rua Amador Bueno, 176/258 - São Paulo - SP (próximo ao Largo Treze de Maio). Telefone: 0800-772-3633.
 
Itaquera - Av. do Contorno, S/N, Itaquera (ao lado do metrô). Telefone: 0800-772-3633.
 
Nos postos dos Centros de Integração da Cidadania (CIC) Norte, Leste, Oeste, São Luiz e Feitiço da Vila , de segunda à quinta-feira, das 9h às 15h. No CIC Imigrantes o atendimento é às segundas, das 9h às 15h. Veja os endereços aqui.
 
Fax: (11) 3824-0717.
 
Cartas: Caixa Postal 3050, CEP 01031-970, São Paulo-SP.
 
Na Grande São Paulo e interior, o consumidor pode procurar o órgão municipal.
 
Informações sobre o trabalho do Procon-SP no site: www.procon.sp.gov.br
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/proconsp
Siga-nos no Twitter: www.twitter.com/@proconspoficial.
Dicas e orientações sobre defesa do consumidor no blog http://educaproconsp.blogspot.com.
 
4/6/2012
Assessoria de Comunicação
Fundação Procon-SP


 
Para orientações e denúncias ligue para 151. O horário de funcionamento é de segunda à sexta das 8h às 17h.
Fundação Procon - SP - Todos os direitos reservados